Criado em 10 Outubro 2018

Uma nova frente fria se desloca do oceano e deve manter a instabilidade no Paraná. Já na divisa do Paraguai, outro sistema de alta umidade e o calor podem trazer chuva com tempestade nesta quarta-feira (10) em Londrina. A meteorologista do Iapar (Instituto Agronômico do Paraná) Angela Costa, afirma que, caso isto ocorra, deve ser no período da tarde. 

A sensação de tempo abafado vai continuar. Segundo Angela, este sistema ocorre com a união da alta umidade relativa do ar e temperaturas elevadas, já que o dia começou com mínima de 19°C e a máxima pode alcançar os 30°C. A chuva forte prevista nesta terça-feira (9) se desviou e não teve força para chegar em diversas regiões do Paraná. Porém, o alerta de temporais se mantém para esta quarta.

 
Criado em 10 Outubro 2018

A Polícia Civil concluiu, nesta terça-feira (9), o inquérito sobre o acidente que matou quatro pessoas da mesma família na PR-445, em Cambé, no norte do Paraná.

Ricardo Martins Moraes, de 39 anos, foi indiciado por homicídio no trânsito, com o agravante de estar dirigindo embriagado, segundo o delegado Roberto Fernandes de Lima, responsável pelo caso.

A reportagem tentou contato com a defesa de Ricardo Martins Moraes, mas não teve resposta.

A batida, que envolveu três veículos, aconteceu no dia 30 de setembro. Um caminhão carregado com óleo de soja bateu na lateral do carro dirigido por Ricardo, que fazia uma ultrapassagem proibida.

Com a colisão, o motorista do caminhão acabou entrando na outra pista e acertou o veículo onde estava a família, que seguia atrás.

Fernando Martelinho, empresário de 43 anos, Adna Simões, professora de espanhol de 41 anos, e as duas filhas do casal, de 8 e 2 anos de idade, morreram na hora.

A família de Londrina voltava de um passeio em Presidente Prudente (SP), onde tinha ido visitar parentes.

O caminhoneiro teve ferimentos leves.

Ricardo foi preso em flagrante e teve a prisão convertida para preventiva, por tempo indeterminado. Ele continuava detido nesta terça.

O Inquérito

Depoimentos e perícias fazem parte do inquérito e, de acordo com a polícia, confirmam que Ricardo Martins Moraes fazia uma ultrapassagem em local proibido.

“Três testemunhas oculares relataram que já a alguns quilômetros ele vinha dirigindo de forma incorreta, ora tentando ultrapassar pela esquerda, ora tentando ultrapassar pela direita, pelo acostamento”, detalhou Lima.

Em depoimento à polícia o motorista preso admitiu que bebeu uma cerveja antes de dirigir.

Para o delegado, ele assumiu os riscos de provocar o acidente ao dirigir de forma imprudente e em desacordo com a lei. A pena, em caso de condenação, varia de 5 a 8 anos de prisão.

O inquérito já foi encaminhado à Justiça e, depois, será complementado com laudos do Instituto de Criminalística e do Instituto Médico-Legal, que ainda não foram concluídos.

Se forem comprovadas lesões graves ou gravíssimas ao motorista do caminhão envolvido no acidente, o condutor também poderá ser indiciado pelas lesões.

G1

 
 
Criado em 08 Outubro 2018

Os londrinenses podem se preparar. A chuva que chegou na madrugada desta segunda-feira (8) vai permanecer durante toda a semana. A meteorologista do Iapar (Instituto Agronômico do Paraná) Angela Costa, afirma que a semana será de tempo instável, com sensação de tempo abafado e pancadas de chuva rápida. 

Já as temperaturas seguem elevadas nesta segunda. O dia começou com mínima de 19°C e a máxima pode chegar aos 28°C. A chuva começou por volta das 2h e até o inicio da manhã foi acumulado através do pluviômetro do Iapar 48.6mm (milímetros). Segundo a meteorologista, o esperado para outubro é de 150 mm e, antes da metade do mês, já houve registo de 132 mm. Caso a instabilidade continue na cidade, a expectativa é que supere a média prevista.

Bonde

 

 

 
Criado em 05 Outubro 2018

A chuva que caiu no início da tarde desta quinta-feira (4) causou alagamentos e transtornos em Londrina e região, principalmente em escolas e UBSs (Unidades Básicas de Saúde), conforme a Prefeitura de Londrina. Até por volta das 14h, a Defesa Civil havia sido informada de três árvores caídas e uma casa com destelhamento na zona sul da cidade. Nesta sexta-feira (5), o Município deve divulgar um balanço dos estragos causados devido à chuva, com dados da Secretaria Municipal do Ambiente e da Defesa Civil. 

A Secretaria Municipal de Educação identificou que 13 escolas tiveram problemas com o telhado ou forro, sete sofreram alagamento em alguns pontos, infiltrações ou vazamentos, e foram registradas três quedas de árvores ou galhos. Nas escolas e Centros Municipais de Educação Infantil que ficam nos distritos, até a noite desta quinta, não houve indício de prejuízos. 

A UBS do Conjunto Cafezal teve destelhamento em alguns pontos, e também alagamento. Por isso, foi necessário suspender os serviços. A equipe de manutenção da Secretaria Municipal de Saúde permanecerá na unidade, que ficou sem energia elétrica, para restabelecer o atendimento aos usuários nesta sexta-feira (5).

Também tiveram problemas com alagamentos ou queda de energia as UBSs do Pindorama, Chefe Newton, Mister Thomas, Milton Gavetti, Lindóia, Campos Verdes, Armindo Guazzi. Em todas elas, o atendimento funciona normalmente. A sede da SMS, localizada na Avenida Theodoro Victorelli, assim como a Diretoria de Vigilância em Saúde, que fica na Rua Attilio Octávio Bisatto, também ficaram sem energia elétrica. 

Lucio Flávio Cruz

 

Segundo o Simepar (Sistema Meteorológico do Paraná), neste início de tarde houve intensificação da instabilidade no norte do Paraná. Com o predomínio de sol durante a manhã, ocorreu rápida elevação das temperaturas e, como ainda há muita umidade na atmosfera, formaram-se as áreas de chuva. 

Em Londrina, a temperatura alcançou os 30°C. A chuva na cidade, apesar de isolada, foi forte, com acumulado de 26,8 mm (com registro de granizo) durante 15 minutos. Os ventos superaram os 90 km/h. 

No entanto, segundo dados divulgados pelo Iapar (Instituto Agronômico do Paraná), o índice pluviométrico foi de 18,8 milímetros, com granizo. Somada às fortes rajadas de ventos, as chuvas provocaram queda de árvores em diversos pontos da cidade, alguns alagamentos e, em algumas regiões, pedras de granizo. 

Energia 

A chuva forte também causou danos à rede elétrica, principalmente em decorrência da queda de galhos e árvores inteiras sobre a fiação. A cidade chegou a ter mais de 40 mil imóveis com o fornecimento de energia interrompido, principalmente nas regiões Leste e Sul. Até as 18h, nove mil domicílios permaneciam sem luz e as equipes da Copel seguiam em campo para prestar manutenção à rede e normalizar os serviços. 

Em Ibiporã o número de ocorrências também é significativo. A cidade chegou a ter 17 mil imóveis sem energia logo após a passagem do temporal. No final da tarde, eram dois mil domicílios sem luz. Em toda a região, são 110 equipes em campo para recomposição do sistema elétrico.

O telefone da Copel é o 0800 51 00 116, e o contato pode ser feito também por celular, através do aplicativo gratuito Copel Mobile. Para informar falta de luz, é possível ainda enviar um SMS gratuito. Basta digitar as letras SL e o nmero da unidade consumidora, e mandar a mensagem para o nmero 28593. 

Bonde

 
Criado em 05 Outubro 2018

Um familiar de Lucélia Pires Ferreira, 56, reconheceu o corpo da funcionária do HU (Hospital Universitário) em um rio entre Porecatu e Alvorada do Sul. Segundo o delegado chefe da 10ª SDP (Subdivisão da Polícia Civil), Osmir Ferreira Neves Junior, o carro dela com os pertences também foram encontrados. 

Ferreira estava desaparecida desde a manhã de quarta-feira (3). Foi vista pela última vez saindo do Camelódromo da região sul e seguia para o HU, onde trabalhava como secretária-executiva. A delegacia de homicídios irá investigar o caso. 

"Temos que aguardar o laudo do IML (Instituto Médico Legal) que vai apurar a causa da morte e será o fator principal desse tipo de investigação", afirmou Neves Junior.

Corpo de funcionária do HU é encontrado nesta quinta

 

Bonde

Bonde

 
Criado em 19 Setembro 2018

Mais uma vez, a quarta-feira (19) amanheceu com bastante nebulosidade em Londrina. O motivo é a alta umidade na atmosfera. Segundo a agrometeorologista do Iapar (Instituto Agronômico do Paraná) Angela Costa, a tendência é que esse sistema se dissipe e a chuva chegue à cidade entre a tarde e a noite. 

A quarta começou com a mínima de 17°C, considerada elevada para este fim de inverno, e a máxima pode chegar aos 30°C. Devido à instabilidade, a sensação será de tempo abafado na cidade. A previsão é que as precipitações permaneçam até sexta-feira (21) com volumes significativos em Londrina.

De acordo com o Simepar (Sistema Meteorológico do Paraná), a chuva já alcançou as regiões oeste e sudoeste do Paraná, com trovoadas em locais isolados. 
 
Bonde
 
Criado em 10 Setembro 2018

Neste domingo, 09, por volta das  20h30min a equipe policial foi informada que dois indivíduos encapuzados foram vistos adentrando uma farmácia na Avenida São Paulo. Diante do exposto, a equipe policial deslocou até o endereço observando que as portas da farmácia encontravam-se encostadas, porém que não havia ninguém dentro. Solicitado apoio para a situação, a equipe aguardava próximo a farmácia, uma vez que o proprietário possui residência em cima do estabelecimento quando um indivíduo descia as escadas e ao notar a presença policial retornou para cima correndo. E seguida desceram dois indivíduos, sendo que um deles segurava no colo a filha da vítima e apontava uma arma para sua cabeça. Foi necessária então, uma negociação da parte da equipe policial, resultando na rendição de um dos envolvidos. O outro criminoso conseguiu se evadir levando consigo certo valor em dinheiro e alguns objetos.

Em continuidade a ocorrência supracitada, ou seja, em diligências a fim de localizar o segundo participante no roubo ocorrido da farmácia, a equipe policial com a ajuda de populares conseguiu identificá-lo iniciando um acompanhamento, sendo em dado momento este indivíduo acabou adentrando uma residência. No local a equipe policial, observando o nervosismo dos que ali estavam realizaram uma revista sendo localizado no local: 02 revólveres calibre 38 e 32, ambos municiados, além de demais munições, 203 gramas de maconha, 41 pedras de crack, dinheiro, uma balança de precisão, além de anotações referente ao tráfico. As duas pessoas que se encontravam no local foram encaminhadas à Delegacia para os devidos procedimentos.

No inicio da madrugada, ainda em diligências a fim de localizar o autor do roubo à farmácia, a equipe policial obteve êxito em localizá-lo em uma residência na Avenida Vinte de Março. Ele foi encontrado com uma arma de fabricação caseira e 26 munições. Também foram localizados com ele os objetos roubados. Diante do exposto, o homem recebeu voz de prisão e foi encaminhado à Delegacia.  

Blog do Chaguinhas

 
Criado em 10 Setembro 2018

O prefeito de Rolândia (Região Metropolitana de Londrina), Luiz Francisconi (PSDB), oito secretários municipais e uma servidora de carreira foram afastados de suas funções e serão monitorados por tornozeleira eletrônica a pedido MP (Ministério Público), que deflagrou operação na manhã desta segunda-feira (10) contra suposto esquema de fraudes em licitações e pagamentos de propina. Duas empresas do mesmo grupo também estariam envolvidas. O valor de direcionamentos de contratações ultrapassariam os R$ 7,8 milhões e o pagamento de propinas foi, de acordo com os promotores, mais de R$ 236 mil. 

Segundo informações do MP, foram afastados dos cargos o prefeito, o chefe de gabinete, Victor Hugo da Silva Garcia; os secretários municipais Dário Campiolo (Desenvolvimento Econômico), Cláudio Pinho (Educação), Fernando Pina (Cultura), Rosana Alves (Saúde), e Vanderlei Massussi (Infraestrutura); o Procurador-Geral do Município, Carlos Frederico Viana Reis, e o subprocurador Lucas Fernando da Silva; e a servidora pública Carolina Erdei Garcia, mulher do chefe de gabinete e lotada na Secretaria da Cultura.

 
 



Também serão monitorados os empresários Edgar Fernando e Euclides Antônio Rufatto, do grupo Somopar, e Jeferson Marques da Silva, da Vysa Transportes. Todos os investigados estão proibidos de manterem contato entre si, colaboradores e testemunhas. 

A ação foi deflagrada pelos núcleos londrinenses do Gaeco (Grupo Ação Especial de Combate ao Crime Organizado) e do Gepatria (Grupo Especializado na Proteção ao Patrimônio Público e no Combate à Improbidade Administrativa), após uma investigação executada entre dezembro de 2017 e julho deste ano. 

Os fatos, segundo o MP 

Segundo as apurações, Francisconi e alguns secretários teriam recebido R$ 150 mil em propina, que resultou em uma licitação datada de 2016 com cláusulas que restringiam a cessão de um barracão do município à empresa SMP, que faz parte do grupo Somopar/Rufato. Durante as investigações, foram apreendidos cheques da Somopar depositados nas contas de três secretários municipais. 

A investigação ainda detectou contrato de prestação de serviços de transporte público e escolar com indícios de superfaturamento e pagamentos por serviços não prestados; cobrança de propina a empresa de metalurgia que teria, como contrapartida, prioridade nos pagamentos realizados e direcionamento em contratações posteriores e uso da empresa para desvios de recursos públicos, com adoção de notas fiscais falsas. A emissão de notas falsas também foi adotada na contratação de empresa de locação de som para justificar o aluguel de brinquedos para o Dia do Trabalhador sem formalidades legais. 

A reportagem tenta contato com a defesa dos citados.

Bonde

 
 
Criado em 10 Setembro 2018

O fim de semana foi quente em Londrina. Na reta final do inverno, a temperatura máxima alcançou os 32°C no último sábado (8). 

De acordo com a agrometereologista do Iapar (Instituto Agronômico do Paraná) Heverly Morais, as temperaturas vão continuar altas nesta semana. A segunda-feira (10) teve mínima de 14°C e a máxima deve chegar aos 31°C.

 
 



Umidade do ar em alerta 

Sem previsão de chuva até a próxima sexta-feira (14), Londrina está em estado crítico em relação à umidade do ar e deve permanecer assim até a sexta-feira (14). No último fim de semana, a umidade relativa do ar chegou aos 22.7%, enquanto o índice considerado adequado para a saúde humana é de 60%. Por este motivo, é recomendado evitar atividades expostas ao sol e consumir bastante água nos próximos dias. 

Giovana Oliveira - Redação Bonde

 

 
Criado em 10 Setembro 2018

Dois jovens morreram na hora ao serem atingidos por um Peugeot 206, que estaria participando de um racha junto com um Chevrolet Prisma, na noite de sábado (8), por volta das 22h30. O casal estava em uma Honda Biz na rodovia BR-369. 

Conforme testemunhas afirmaram à PRF (Polícia Rodoviária Federal), o casal estava parado em frente ao semáforo da Bratislava quando foi atingido pelo Peugeot em alta velocidade. Em seguida, os dois carros que estariam tirando racha fugiram do local.

 
 



O jovem foi identificado como Gregory Huyus de Oliveira, 25 anos. Ele era de Rolândia. O corpo foi velado e sepultado no cemitério Jardim da Saudade. Gregory estava com sua namorada Daniela Aparecida Rodrigues Morais, de 23 anos. Até o fim da tarde deste domingo (9), o local de velório e sepultamento não haviam sido informados pela Acesf (Administração dos Cemitérios e Serviços Funerários de Londrina). 

Investigação 

O caso está sendo investigado pela Polícia Civil de Cambé. Conforme o delegado Vitor Dutra, há um suspeito, mas não irão adiantar nada a respeito no momento. "Estamos também tentando identificar uma outra pessoa que teria tirado ele do local e que estaria fazendo racha com ele", explicou. 

"Se comprovado que estava fazendo racha e durante as investigações ficar constatado que ele assumiu o risco do resultado morte, será indiciado pela prática do crime de homicídio doloso", disse o delegado. 

No entanto, Dutra deixou claro que as informações de que estavam praticando racha ainda são informais. "Nada formalizado nos autos, mas durante essa semana vamos trabalhar para que tudo seja esclarecido e os autores identicados para que possam ser responsabilizado nos rigores da lei", acrescentou. 

A perícia da Criminalística deve concluir o laudo no decorrer da semana, segundo Dutra.

Folha de Londrina

 

Pagina 1 de 9

<< Iniciar < Ant 1 2 3 4 5 6 7 8 9 Próx > Fim >>